Construindo mercados da sustentabilidade

O capítulo da Agenda 21 voltado à agricultura sustentável preconizava moratória para os cerrados. Não se tratava de menosprezar a importância do Centro-Oeste na expansão da cultura de grãos nem de subestimar o papel estratégico das grandes áreas cultivadas para o abastecimento interno e para as exportações brasileiras.

A Agenda 21 e a natureza das economias

“Meu projeto pessoal de biomimetismo é aprender economia com a natureza”, afirma Hiram Murray IV, protagonista central do último livro de Jane Jacobs, já conhecida do público brasileiro por sua reflexão tão original em “Vida e Morte das Grandes Cidades”.

Preservar para lucrar com os cerrados

O que está em jogo na discussão da Medida Provisória do Código Florestal não é a exigência de se fazer uma opção entre agricultura e preservação ou, em outras palavras, entre desenvolvimento e meio ambiente.

Moratória para os Cerrados

MORATÓRIA PARA OS CERRADOS - Elementos para uma estratégia de agricultura sustentável é um estudo de Ricardo Abramovay para o Consórcio Atech/Museu Emílio Goeldi AGENDA 21. São Paulo, fevereiro de 1999.